Início Biografia Baby & Pepeu Novos Baianos
 
Discografia Solo


O que vier eu traço [1978]


Pra Enlouquecer! [1979]


Ao Vivo em Mountreux [1980]


Juntos de Novos [1981]


Canceriana Telúrica [1981]


Cósmica [1982]


Esperando Você [1983]


Kryshna Baby [1984]


Sem Pecado e Sem Juízo [1985]


Ora Pro Nobis [1991]


Um [1997]


Acústico [1998]


Ano 2000 [2000]


Exclusivo para Deus [2000]


Geração Guerreiros do Apocalypse [2012]


Baby Sucessos [2015]


Discografia Paralela [...]










 


Clique na imagem para download do disco



- LP Novos Baianos - Farol da Barra (1978)


1. Farol da barra
(Galvão/ Caetano Veloso)
2. Isto aqui o que é?
(Ary Barroso)
3. Straight-flush
(Pepeu/ Galvão)
4. Samba do sociólogo louco
(Jorginho/ Galvão)
5. 99 vezes
(Pepeu/ Galvão)
6. Welcome
(Pepeu)
7. Lá vem a baiana
(Dorival Caymmi)
8. Alibabá alibabou
(Charles/ Didi/ Galvão)
9. Na fogueira
(Pepeu/ Galvão)
10. Vende-se sonhos
(Jorginho/ Pedro Raimundo/ Galvão)
11. O tico-tico mapiou
(Pepeu/ Morais/ Galvão)
12. Boogie woogie do rato
(Pepeu/ Galvão)
13. Sugesta geral
(Morais/ Galvão)



1. Farol da barra
(Galvão/ Caetano Veloso)

Quando o sol se põe
Vem o farol
Iluminar as águas da Bahia
No farol da barra
O encontro é pouco
A conversa é curto
Tudo é tão rápido
Como se furta
Como a luz bate nas águas
Como tudo que se passa

Com tanto cabeludo
Com tanto por-de-sol
Bem cabia uma profecia
Até o ano 2000
O farol além
De por-do-sol será
O por-do-som
Onde verás um realejo
Onde verás um violão



2. Isto aqui o que é?
(Ary Barroso)

Isto aqui
Ô, ô
É um pouquinho de Brasil,
Iá iá
Desse Brasil que canta e é feliz
Feliz, feliz
É também um pouco de uma raça
Que não tem medo de fumaça
E não se entrega, não

Olha o jeito nas cadeiras que ela sabe dar
Olha só o remelexo que ela sabe dar

Morena boa que me faz penar
Põe a sandália de prata
E vem pro samba sambar



3. Straight-flush
(Pepeu/ Galvão)

A noite me "revivoro"
De sur-em-sur-presas vem
Cai-nos a noite
De noite
Por mais que lhe afogue a vida
Esconda o jogo
Blefe
Mas na cartada final
Abra o leque
Straight-flush



4. Samba do sociólogo louco
(Jorginho/ Galvão)

Pergunte ao pintor
O que é mais cor
Que o arco-íris?

A cabeça do índio
Brincando nas águas
Falando com as árvores
Já era artista o índio
Muito antes de Tarzan
Bá-Bá-Bá-Bá-Bá-Bá
Índio quer apito
Bá-Bá-Bá-Bá-Bá-Bá
Mas não quer mosquito
Na isca de troca
Até quem pescava
Antes do anzol
Narciso por espelho
Neo-Diógenes
Ex-Underground
Extra nos filmes de Hollywood
Pra não entrar por vadiagem



5. 99 vezes
(Pepeu/ Galvão)

Faça o que você pode
E até o que não puder
Que não é à toa que o povo diz:
"Entregue a Deus!"
Você procure 99 vezes
E depois deixe uma pra lá
Que não foi em vão que Einstein disse
Que o saber vem do infinito



6. Welcome
(Pepeu)
Instrumental: Novos Baianos



7. Lá vem a baiana
(Dorival Caymmi)

Lá vem a baiana
De saia rodada, sandália bordada
Vem me convidar para dançar
Mas eu não vou
Lá vem a baiana
Coberta de contas, pisando nas pontas
Achando que eu sou o seu iôiô
Mas eu não vou
Lá vem a baiana
Mostrando os encantos, falando dos santos
Dizendo que é filha do Senhor do Bonfim
Mas, pra cima de mim?!
Pode jogar seu quebranto que eu não vou
Pode invocar o seu santo que eu não vou
Pode esperar sentada, baiana, que eu não vou
Não vou porque não posso resistir à tentação
Se ela sambar
Eu vou sofrer
Esse diabo sambando é mais mulher
E se eu deixar ela faz o que bem quer
Não vou, não vou, não vou
Nem amarrado porque eu sei



8. Alibabá alibabou
(Charles/ Didi/ Galvão)

Ô-la-i-lê
Ô-la-i-lô
A-la-la-li-ba
Alibabá alibabou



9. Na fogueira
(Pepeu/ Galvão)

Quanto mais degrau eu subo
Mais azul o horizonte
Quanto mais degrau, quanto mais azul
Quanto mais o horizonte

O horizonte
O horizonte

A cruz, o sonho
De luz distante e fogo presente

Lá no meio
Lá no fundo da fogueira que se descobre
Que o sonho é o mais belo caminho para a eternidade.



10. Vende-se sonhos
(Jorginho/ Pedro Raimundo/ Galvão)

Costura-se e borda-se
Gazeia-se e imobiliza-se
Cobre-se botões,
vende-se ovos e carvão

Ensina-se inglês.
Dá-se aulas de violão
Vende-se roupa usada

Ensina-se particular:
matemática, supletivo
Vende costura no Ceará

Aluga-se uma casa
Fornece-se marmita
Há uma vaga no quarto
em casa de família

Aceita-se encomendas
de bolo e salgadinhos,
para aniversário e casamento

Não vejo, creio que não há,
não encontro, é inútil procurar
o anúncio vende-se sonhos

Não duvido daqui uns dias:
Vende-se sonhos!



11. O tico-tico mapiou
(Pepeu/ Morais/ Galvão)

O tico-tico não anda nas nuvens
O tico-tico voa
E quem tem boca só vai até Roma
Só vai até Roma

O tico-tico não anda nas nuvens
O tico-tico voa
O tico-tico voa
O tico-tico voa

O tico-tico mapiou
O tico-tico mapiou
O tico-tico mapiou

A chave do segredo é como bater nas cordas de um jeito a alcançar

Cantar, cantar, cantei
O bico do tico-tico vai até onde não foi



12. Boogie woogie do rato
(Pepeu/ Galvão)

Tá dando rato, muito rato e que rato que está dando no meu boogie e que sopa para um gato
Eu não sabia que havia tanto rato no meu samba mas agora ante o fato, o rato é mato
Mas tem um rato que agradece e é muito grato
Se encontra um "boogie-woogie", "boogie-Woogie" como prato
Mas tem um rato que agradece e é muito grato
Se encontra um "boogie-woogie", "boogie-Woogie" como prato

Veja, veja, veja minha gente
Um rato pretender patente num processo de roer
Deixa todos esses ratos no meu samba
E não se importe com a muamba que isso é meio de viver

Se o nosso samba tem cadência, o "boogie-woogie" tem influência pois os dois são irmãos da mesma cor
E o que interessa, ora essa é que o povo consagrou as duas danças como sendo do amor
Por isso mesmo todo mundo quer dançar o "boogie-woogie" sem "castigo" pois é ritmo amigo
E tudo mais só é conversa, e a resposta é "Nem te ligo!"



13. Sugesta geral
(Morais/ Galvão)

Mesmo que não dê em nada
Quero seus lábio abertos
Numa sugesta geral

Falem, sempre falem
Profeta da era total

Tragam sempre o surpreendente
Lancem a dúvida em semente
No aniversário das letras
Um presente da pesada
Um ano de palavras








 

 

Discografia com
Novos Baianos


É Ferro na Boneca [1970]


Compacto Duplo [1971]


Novos Baianos + Baby Consuelo no
Final do Juízo [1971]


Acabou Chorare [1972]


Novos Baianos FC [1973]


Novos Baianos [1974]


Vamos pro Mundo [1974]


Caia na estrada e perigas ver [1976]


Praga de Baiano [1977]


Farol da Barra [1978]


Trio Elétrico Novos Baianos [1979]


Infinito Circular [1997]






Páginas


Site Oficial Baby do Brasil

Site Fã Portal SNZ

Site Oficial Sarah Sheeva

Site Fã Sarah Sheeva

Site Oficial Nãna Shara

Site Fã Nãna Shara

Site Oficial Zabelê

Site Fã Zabelê






Acessos




 


Essa página é uma homenagem a cantora Baby do Brasil | Criação e atualização da página pelo fã João Rossi © 2005 ℗ 2015